início Ela Livros
Blogroll Contato


17 de julho de 2016

No terceiro e último post sobre as pâtisseries parisienses (clique para ver a Parte 1 e a Parte 2 – esta sobre macarons!), vamos falar de algo que é difícil encontrar alguém que não goste: chocolates! Paris tem alguns dos melhores chocolatiers do mundo e, na minha opinião, o mais bacana deles é o certificado pelo MOF (Meilleur Ouvrier de France), PATRICK ROGER.

chezb parisserie 7

As boutiques são quase joalherias e os chocolates, verdadeiras obras de arte. Além de chocolatier consagradíssimo, Patrick é escultor. E em cada época e em cada vitrine sua, tu te deparas com alguma escultura (toda de chocolate, claro, e produzidas sem molde) impressionante.

chezb parisserie 8

Os chocolates são inevitavelmente caros, mas valem cada euro. Os sabores variadíssimos, com crocância e cremosidade na medida exata, inesquecíveis! Alguns vêm em verdadeiras caixinhas de joias e esses são os mais preciosos.

Uma das opções que vem na dita caixinha: trufa de chocolate com ganache de caramelo salgado e siciliano: de comer rezando o rosário inteiro!

chezb parisserie 0

Outra excelente opção são os chocolates de JACQUES GENIN. Na verdade, foi uma grata surpresa, pois o objetivo quando fomos à loja não era exatamente os chocolates. É que Jacques (sim, já fiquei íntima, haha) é conhecido por seu perfeito mil folhas, facilmente o melhor de Paris. Porém, embora sedenta para provar essa iguaria – que nem curto muito na versão brasileira, mas os franceses são outros quinhentos -, era época de Páscoa e quando chegamos na bela boutique no Marais, todos os doces disponíveis se resumiam a chocolates. Então, ok, fizemos o sacrifício de levar uma bela caixinha para o hotel.

Com um tantinho de decepção por ter perdido (dessa vez!) a oportunidade de experimentar o melhor mil folhas, descobrimos um dos melhores chocolates que já comemos. Mais sabores incríveis, deliciosas opções de pequeno tabletes que de derretem na boca com explosão de sabores. Amei e indico muito!

Lembrando que assim como os demais doces francesas, os chocolates deles são muito diferentes dos nossos. Menos açúcar, sabores mais fortes e marcantes são as principais diferenças no meu ponto de vista. E, confesso, há muito evito comer os tradicionais daqui, por conta disso.

Quem tiver mais dicas de pâtisseries francesas, não esqueça de deixar nos comentários para quem passa por aqui poder conhecer também!




23 Comentários em “PÂTISSERIES EM PARIS . PARTE 3”


Amanda Hillerman

Ai esses posts… <3 Cada vez mais me deixando com água na boca, uma vez assisti um programa de viagem mostrando essas esculturas, são impressionantes mesmo!
Beijos!! Blog Amanda Hillerman

Bruna Aguiar

São mto perfeitas! ;*

Bruna Aguiar

mto perfeitoss! ;*

Mani

Nossa… não tenho equilibrio para andar nas ruas de Paris, parece! ahahhaha

=*
Mani Piñeiro
@Blog_ManiPineiro
Snap: @manipineiro

Bruna Aguiar

não é fácil hahaha ;*

Amanda Paduan

Bru, que vontaaaaaaaaade meu Deus! Que pena que já é o último post da série, amei demais os outros dois! Chocolate é minha paixão e confesso que maioria dos que como são os que você não gosta, cheios de açucar hahahahaaha Acho que o mais leve que provei até hoje foi o Lindt, gostei muito. Esses que você comeu devem ter sido uma maravilha que só! E gente, parece joia mesmo, a caixinha é uma graça <3 Beijossss lindona!
http://www.amandapaduan.com.br

Bruna Aguiar

é uma fofura né :D

VANESSA BRUNT

Ai, fico babando nessas suas postagens! Que delícias! Indicações maravilhosas.

http://www.semquases.com

Bruna Aguiar

que bom que vc gostou :D

Carolina

Que delicias, deu uma fome de doce
bjs

Bruna Aguiar

delis né :D

Danie

Realmente são perfeitos. Uma verdadeira obra de arte. Deve dá tanta dó de comer por causa da beleza <3

http://www.agindodiferente.com/

Bruna Aguiar

hahaha verdade Danie :)

Michelle

Nossa..parecem ser ótimos. Engraçada eu sou chata com doce, não como muito..mas não como qualquer um. Esses estão de da água na boca..rsrs
Beijoos

Bruna Aguiar

São maaara mesmo!

Kaka Farias

Bru! Quanta tentação, senhor! Eu não lembro de ter comido tanto chocolate assim quando fui sabe? O que é bem surpreendente, já que tu sabe como sou chocólatra. O que sei, é que tomei um cappuccino no Le Deux Magots e vinha um pequeno tablete pra colocar junto. E nossa, melhor cappuccino que tomei na viiiiida! Quando voltar, vou querer provar esse que vem na caixinha de jóia com certeza! :*

Bruna Aguiar

Ai, é o melhor do mundo esse da caixinha! Quero de novo! Eu não fui no Le Deux Magots, mas na próxima não deixo passar :D Beijo beijo

Bianca Geisler

Nossa, que post mais delicioso! Sério. Parecia jóias mesmo. Tu pode dizer o preço? Fiquei curiosa pra saber se teria que vender o rim pra comer lá ou não.
Pena que você não conseguiu comer o mil folhas. O que será que tem de especial? “Talento” talvez hahaha.
Sério, amei o post. Nunca parei pra pensar que Paris pudesse ter chocolates maravilhosos assim.

Beijos,
Bi.

http://www.naogostodeunicornios.com

Bruna Aguiar

Oi, Bi! Que ótimo que tu gostou, fico muito feliz :) Olha, eu não lembro exatamente, mas é coisa de uns 5, 6 euros cada uma dessa que vem na caixinha, do Patrick Roger. Certamente ele é um dos mais caros, só que vale muuuuito a pena, pelo menos experimentar. Dá pra pedir por peso também, aí vem num saquinho plástico e não é tão caro. Sobre a mil folhas, ainda quero descobrir o motivo de ser tão especial. Mas, olha, imperdível MESMO pra mim é a torta de limão do primeiro post! Beijo, beijo

Ju Regis

Não estou sabendo lidar com esse post. Nem sei o que dizer. Ai meldels. Quero.

Bruna Aguiar

final do anoooooooooooooooooo tá chegando <3

priscilla barreto

Ai Bru essa sua série de posts parisenses são irresistíveis!!
Vontade de voltar para lá já! rs

Bjs
Pri

Bruna Aguiar

Delícia né! Também quero voltar logo :)


Deixe seu comentário: